Agricultura Notícias

Atualizada em 22/08/2011 16:48 - Agricultura Imprimir

Assentados em Ortigueira aglomeram-se em frente a prefeitura

Reforma Agrária

Na manhã da última segunda-feira um grupo de aproximadamente 600 integrantes do Movimento Sem Terra que fazem parte dos seis assentamentos e um acampamento, existentes em Ortigueira, reuniram-se em frente a sede do Governo Municipal para solicitar o apoio do prefeito Geraldo Magela junto ao INCRA.

Na pauta de reivindicações do movimento, constam a desapropriação da Fazenda Nossa Senhora do Carmo (Acampamento Mayla Sabrina), onde um grupo de aproximadamente 350 famílias aguarda desde janeiro de 2003, a desapropriação das terras por parte de INCRA.

Outro ponto da pauta é para que seja acelerada a liberação de créditos federais para a conservação de estradas, pontes e implantação de rede de saneamento básico nos Assentamentos existentes no município.

O prefeito de Ortigueira, Geraldo Magela se disse favorável a manifestação, pois considera que a produção do campo merece maior atenção por parte de toda a sociedade, “se houver alguma problema com nossa sociedade o campo será capaz de reconstruir a cidade, mas a cidade não é capaz de reconstruir o campo”.

Na parte da tarde, os integrantes do movimento aglomeraram-se na Câmara de Vereadores para apresentar para os vereadores e para o prefeito, outra pauta de reivindicações, voltada para a Administração Municipal.

Nos itens apresentados constavam assuntos relacionados a melhoria de estradas rurais, saúde e educação. Após os apontamentos dos assentados, tanto o prefeito do município quanto os vereadores da casa fizeram suas colocações quanto aos assuntos.

  “Em Ortigueira a maior parte da população depende quase que exclusivamente do campo, por isso acolhemos este grupo com mais de 600 pessoas, que nada mais quer do que melhores condições para sobrevier da terra, no que for do alcance da Administração Municipal, nós iremos buscar recursos para atender a população” finalizou o prefeito.

Após o encontro na Câmara de Vereadores, os manifestantes retornaram para suas localidades no interior do município.

Compartilhe esta notícia!
 
 
 

Comentários

"Nenhum comentário até o momento"

Outras notícias